JM redondo sem fundo com reflexo.png

O ROSTO POR TRÁS DO TE VIRA


Olá Te Vireiras! A partir de hoje teremos um espaço aqui, juntas e misturadas, para que possamos conversar de assuntos diversos, principalmente coisas ligadas ao trabalho e vida da mulher.

Muitos me perguntam: - Por que “Te Vira Mulher”?

E eu respondo: Porque é o que a gente faz, é o que a gente vive!

Tudo é baseado em “se virar” para viver, sobreviver, estudar, trabalhar, cuidar da casa, estar com a saúde em dia, e tudo mais relacionado ao dia-a-dia.

Para quem não sabe, o Te Vira Mulher foi pensado no ano de 2020 em meio a pandemia do novo coronavírus. Eu Estava meditando, e veio algo gigante dentro do coração, o qual não sei explicar com palavras, mas que me aquece o peito toda vez que penso o quão grande isso possa ser.

Eu comecei a me questionar, como aquelas mulheres que são mães solo, que criam seus filhos sozinhas e até mesmo sem muitas pessoas para ajuda-las, fariam agora? Muitas delas nem mesmo ganham um salário mínimo, seus filhos não podendo ir para a escola, para a creche, elas não tendo com quem deixá-los. Algumas pedem demissão nesses casos, outras dependem de levar o filho pro serviço, pedir pra vizinha reparar... Em fim, situações assim, estamos cheias, mas não vemos diretamente, pois moramos numa cidade pequena com povo hospitaleiro, mas como ficam essas situações nas grandes metrópoles?

Confesso que quando penso nisso, meu coração se preocupa e se entristece muito. Então, acabei me questionando, o que posso fazer pra ajuda-las? Nem que seja de alguma forma distante e virtual, sem assistencialismo, mas com ideias para essas mulheres poderem fazer por si, trabalhando de suas casas, podendo criar seus filhos e sustentar sua família?

Na verdade, a grande questão seria, EMPREENDER!

A respeito do nome? Bom! Esse é em homenagem à minha Amada Mãe! Desconheço pessoa mais ressignificativa e resiliente do que ela. Para ela não tem ruim, e ela está sempre pronta para servir a outrem. Trabalha e se vira, com a mesma alegria que toma um chimarrão ou faz um almoço com a família reunida. Porque isso é o que move ela! Eu tenho ela como minha maior base e exemplo, espero um dia ser a metade do que ela é!

Muitas ideias vieram na minha mente, muitas coisas surgiram, mas caíram na caixinha da bagunça. Foi então que surgiu esse grande convite do Juntos e Misturados para essa geração de conteúdo e para podermos trocar uma ideia, e não menos importante, COMEÇAR POR ALGUM LUGAR.

Vocês vão me ver por aqui falando de vários assuntos femininos, tudo muito baseado na busca dos verdadeiros valores, virtudes, autoconhecimento, e principalmente, a importância de amar e fazer bem aquilo que se faz.

Fico por aqui, e espero de coração que possamos criar um grande vínculo de amizade, através deste portal!

Um Beijo, e até mais!

260 visualizações0 comentário